Total de visualizações de página

Pesquisar este blog

sexta-feira, 6 de maio de 2011

A ponte caiu 2

Para a população sacrificada pelos transtornos causados pela incompetência de instituições, o apoio de deputados da frente Transparência e Resultado confere uma nota de altivez à indignação. Liderados pelo deputado estadual Bonifácio Mourão (PSDB), parlamentares protocolaram ação cívil contra o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) na Procuradoria da República em Minas Gerais.  O DNIT poderá ser obrigado a ressarcir financeiramente a moradores e ao patrimônio histórico dos municípios afetados pela interdição da ponte sobre o rio das Velhas, na BR-381, em Sabará, próximo a Belo Horizonte. Entre os prejuízos, decorrentes dos atalhos em estradas estreitas, em local de preservação histórica, contam-se a deteriorização de cargas perecíveis, a elevação dos fretes, a redução do tráfego pesado, a demora e os riscos das viagens. "A situação da 381 é de calamidade pública. É inconcebível que milhares de pessoas, entre usuários e moradores dos municípios vizinhos sejam prejudicados pelo descaso e incompetência administrativa do Dnit", salientou Bonifácio Mourão.

(Foto de Samuel Aguiar, jornal O tempo)

Por sua vez, o DNIT prometeu iniciar as obras de duplicação dos primeiros 70 km (de um total de 310 km) da rodovia em outubro, com finalização (desses 70 km) prevista para depois da Copa, em 2014. Enquanto a ponte definitiva não fique pronta, aguarda-se, com ansiedade, a ponte metálica provisória, para os veículos leves, que se espera em funcionamento no prazo de sessenta dias. Ou seja, uns noventa dias, por aí.

2 comentários:

  1. E os brasileiros? Pagam um verdadeiro absurdo de impostos e ficam sem os recursos básicos que o governo deveria oferecer!
    E se não podemos fazer nada, quem sabe a Justiça faça?
    Abraço,
    Terezinha

    ResponderExcluir
  2. Caro Mestre, desculpe alertá-lo para um ato falho, a copa será em 2014, e não em "1914" como descrito em seu texto.
    Aproveito a oportunidade para comentar que o DNIT é bancado com dinheiro de impostos, do meu, do seu, do nosso suado dinheirinho. Então, uma possível indenização paga pelo DNIT acabará saindo mesmo é, mais uma vez, dos nossos bolsos.
    Mas pensando bem, nós merecemos realmente ser extorquidos nos impostos, e sem a devida contrapartida, pois ainda não aprendemos a votar. E são nossos eleitos que indicam os incompetentes do DNIT.
    Um abraço
    Wanderley

    ResponderExcluir